Prosecore

Escritório: +351 21 446 21 60

Bombas Peristálticas

bombas peristálticas

Bombas peristálticas

As Bombas peristálticas são equipamentos muito utilizados na indústria alimentar, farmacêutica, química e em diversos laboratórios sempre e quando se exige máxima precisão na dosagem de líquidos.

A Prosecore facilita-lhe uma gama alargada deste tipo de bombas, com características adaptadas às suas necessidades: de 1 a 10 canais, com sistema reversível, com velocidade variável e de funcionamento programável, usadas quer em líquidos neutros quer em líquidos  altamente corrosivos. Gama de dosagens desde 1 ml até 200 ml por cada ciclo.

Para saber mais sobre a linha de bombas peristálticas solicite um orçamento. A equipe PROSECORE está pronta para ajudá-lo.

As bombas peristálticas são equipamentos que transferem fluidos de um local para outro a um determinado caudal.

Consequentemente, as bombas peristálticas, representam uma excelente opção multifuncional e multipropósito, sendo ideal para o utilizador final que procura tecnologia avançada, eliminando variados problemas de manutenção e desgaste excessivo.

Uma das principais características das bombas peristálticas é o que o fluido bombeado não entra em contato com nenhuma parte do equipamento. O fluido entra em contato apenas com a superfície interna da mangueira, com isso evita-se qualquer tipo de dano ao fluido, impedindo a ocorrência de contaminações.

Por essa característica, difundiu-se o uso de bomba peristáltica de mangueira em aplicações de laboratório. Também são utilizadas em muitas indústrias, incluindo farmacêutica, processamento químico, indústria de insumos agrícolas e estações de tratamento de água.

As aplicações da bomba peristáltica, além das tarefas gerais de transferência de fluidos, incluem dosagem e distribuição.

As bombas foram desenvolvidas para realizar a dosagem da grande maioria dos fluidos, inclusive aqueles com características viscosas, corrosivas e até abrasivas.

Temos soluções para realizar a dosagem de álcool gel, detergentes, polímeros, corantes, aditivos, fertilizantes, esmaltes, pigmentos, entre outros. O princípio de funcionamento da bomba peristáltica está baseado no funcionamento do intestino humano, sendo composto por três partes: motor, cabeça (cabeçote) e mangueira.

O projeto – inspirado na “peristalsis” ou seja movimentos peristálticos – representa o movimento natural do sistema digestivo, responsável pelo deslocamento do alimento dentro do intestino.

No aparelho digestivo humano, o movimento peristáltico caracteriza-se pela ação de músculos que fazem com que o alimento ingerido seja deslocado ao longo do tubo digestivo, por meio de contrações e relaxamentos que ocorrem de forma consecutiva.

Na bomba peristáltica, a mangueira é posicionada, fixada no cabeçote e pressionada por roletes em volta do rotor que realiza um movimento de forma circular. Os roletes, ao se moverem, pressionam a mangueira, fechando-a.

O acto de comprimir o rolete contra a pista, dá à bomba a sua ação de deslocamento positivo. Isso impede o contrafluxo e elimina a necessidade de válvulas de retenção quando a bomba não está funcionando.

Logo após a passagem do rolete, a mangueira retorna ao diâmetro original, devido à conformação própria do material destinado à fabricação da mangueira.

Por outro lado, a bomba peristáltica permite a dosagem de múltiplos produtos na mesma embalagem ou de um só produto em diversas embalagens em simultâneo porque o seu rotor permite a utilização de vários canais (mangueiras)

Com experiência em diversos sectores, a PROSECORE dá-lhe todas as possibilidades existentes no mercado.

Este website utiliza cookies e solicita os seus dados pessoais para melhorar a sua experiência de navegação. We are committed to protecting your privacy and ensuring your data is handled in compliance with the General Data Protection Regulation (GDPR).